h1

Semestral 2, 1915 – O Ano das Potências Centrais

setembro 20, 2009

33

L’Illustration

Ao final deste mês de dezembro nenhum Aliado deseja olhar para o retrovisor. Porém, batalhas foram perdidas, mas não a guerra. A frente oriental foi obrigada a recuar, os belgas se mostraram como novo inimigo, os avanços sobre os turcos não foram possíveis, os inimigos marcham sobre a Sérvia e Polônia. Mas, não há nenhum Aliado derrotado até o fim desta edição e a força Aliada há de contra-atacar.

Die Wochenschau

Depois dos primeiros meses mostrarem êxitos, o ano termina para coroar importantes avanços e, ao que se espera a mais de um ano, a vitória. Gallipoli já não sofre com as ofensivas aliadas, em 7 meses os militares turcos fizeram 140 mil baixas ao inimigo e assistiram à sua retirada na última semana. Em outubro um aliado fundamental se uniu à frente oriental, a Bulgária se uniu a frente austro-alemã, e em pouco tempo, a Sérvia estava tomada. Ainda na frente oriental, o avanço sobre o território polonês fez com que os inimigos russos recuassem ao final de agosto, a frente oriental já estava na maior cidade polonesa, Varsóvia.

Incidentes inevitáveis aconteceram, como as constantes investidas dos italianos na fronteira com o território Austro-Húngaro, porém, se os avanços continuarem, poderemos acordar vitoriosos em pouco tempo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: